18 novembro 2011

Fugindo do Assunto #3 - Bullying

Postado por Renato Nascimento às 17:25
Reações: 
Bullying

Sei que este assunto pode ter se tornado um pouco clichê para vocês, mas eu ainda o considero de suma importância. E ninguém melhor pra falar de Bullying do que alguém que já sofreu isso, então, vamos lá!









Definição
Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo (do inglês bully, tiranete ou valentão) ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder


  A partir daqui, o post vai ser escrito por mim. Sim, eu já sofri muito bullying quando era pequeno e também quando já estava com meus 15 anos. E posso dizer que, se usarmos a definição acima, sofro disso até hoje. 
  Os motivos que levam uma pessoa a praticar o bullying são simples e assustadores, e o principal deles é o preconceito. 


Preconceito (prefixo pré- e conceito) é um "juízo" preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude "discriminatória" perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou "estranhos". Costuma indicar desconhecimento pejorativo de alguém, ou de um grupo social, ao que lhe é diferente. As formas mais comuns de preconceito são: social, "racial" e "sexual".




Sempre tenho a impressão de que essas pessoas sentem prazer ao praticar os atos de bullying. Não estou brincando, é sério. O sorriso estampado no rosto, as risadas generalizadas e os apelidos nos mostram isso.
E, no meio dos bullies, tem sempre os covardes. Sabe aqueles "capachos" que andam sempre atrás de um e só sabem rir quando o ato é praticado? Este é o covarde.

Eu sempre sofri bully. Sempre fui gordinho, e este foi o principal motivo da "zuação". A sociedade, desde o começo da vida de alguém, mostra que a descriminalização existe sim, e coloca isso na mesa da forma mais cruél  possível.
Até hoje, tento entender o verdadeiro motivo de se cometer estes atos. Querer se encaixar? Medo? Algum modo de deixar transbordar a raiva? Não sei, sinceramente não sei. Mas uma coisa eu digo para vocês que fazem isso: Dói. Você se sente excluído, diferente e realmente acha que não pertence ao mundo. Daí que surgem os casos de suicídios. As pessoas ficam loucas, sabe? Vai acumulando, acumulando. Se você encher um copo de água e não parar, uma hora ele transborda, correto? Pois bem, uma hora a gente cansa. Cansamos e temos vontade de acabar com tudo de uma vez.

Certo tempo atrás, um garoto chamado Casey Heynes ficou mundialmente conhecido.



É o que eu disse anteriormente: há um momento em que o copo transborda. A violência não leva a nada, mas eu bato palmas para Casey. O garoto mereceu o que recebeu.



E, pra finalizar, eu digo que tenho pena de quem pratica isso.




3 comentários:

Lilian Britto on 19 de novembro de 2011 10:15 disse...

Ótimo post Renato, parabens!
Eu nunca sofri bullying, mas sei exatamente o que vc sente, pode crer...
Tudo que foge do igual é visto como errado. Assim, ser gordinho, magrinho demais, não gostar de futebol (para os meninos), não gostar de boneca (para as meninas) é tido como anormalidade.
Eu só sinto muita pena de quem pratica o bullying, se mostram pessoas pequenas, de cabecinha fechada, sem um pingo de noção.
Já falei disso no meu blog, o tema é importante e deve ser abordado sempre!
Beijos, bom final de semana =*

@morenalilica

Luara Cardoso on 23 de novembro de 2011 22:32 disse...

Oi, tudo bem?
Acabei de conhecer o blog, é ótimo. :)
E sim, eu também sofri muito bullying... ainda bem que tive apoio de amigos que não me deixaram sofrer tanto com isso, eles sempre me defendiam.

Um beijo,
Luara - @luuara
http://estantevertical.blogspot.com/

Suellen on 4 de dezembro de 2011 17:55 disse...

olá! Amigo eu sei o que você sofreu, mas acredite ou não todo mundo já viveu os dois lados da moeda.

Já que vou sofreu bullying vou lhe recomenda um livro legal, procure esse livro: Bullying – Mentes perigosas nas escolas de Ana Beatriz Barbosa Silva.

Leia e depois quem sabe resenhe aqui e você vai vê que aquele ou aquela pessoa lhe você vê na tv um dia sofre bullying e deu a volta por cima. Vou deixa o link e qualquer coisa procure e leia.

Beijos e sorte!

http://suellen-san.blogspot.com/2011/06/resenha-bullying-mentes-perigosas-nas.html

Postar um comentário

 

Marco do Percurso Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Modificado por Renato Nascimento